Central Telefônica: 71 3203.5555 . Centro Médico: 71 3203.3400 . Marcação de Exames: 71 3203.5601

Notícia

HOME / Hospital / Notícias / 2018 / Fevereiro / Medicina personalizada

Medicina personalizada

02 February 2018

laboratorioA personalização do tratamento do paciente é um dos caminhos trilhados pela medicina moderna, para conquistar maior exatidão terapêutica e resultados menos invasivos, como a dispensa de cirurgias e redução de efeitos colaterais. Atualizado com esses avanços, o Laboratório de Anatomia Patológica do Hospital Português, Studart & Studart, incorporou, em dezembro de 2017, uma tecnologia inovadora no diagnóstico do câncer: a plataforma de Sequenciamento de Nova Geração (NGS). Este método permite avaliar a presença de mutações celulares somáticas (adquiridas ao longo da vida) ou mutações celulares germinativas (herdadas do pai ou da mãe) para os diversos tipos de tumores. “Tamanha evolução beneficia os pacientes com diagnósticos cada vez mais precoces, abordagens terapêuticas menos invasivas e planejamentos multidisciplinares individualizados, nos diferentes tipos de câncer”, destaca o diretor médico do Serviço, Dr. Eduardo Studart.

     

Especializado em anatomia patológica e biologia molecular, o Laboratório investe em pesquisas na área da saúde e novas tecnologias para aperfeiçoar a assistência ao paciente. Atento à crescente demanda social por cuidado especializado na área oncológica, bem como, à origem do câncer, atrelada a mutações celulares (causadas por fatores hereditários ou hábitos desenvolvidos, como tabagismo, exposição à radiação solar, poluição, dentre outros), o Serviço investiu na aquisição do Sequenciamento de Nova Geração (NGS). O método inovador funciona através de um equipamento avançado, que executa uma série de reações químicas na amostra de material genético do paciente. A partir da análise dessas informações do DNA das células, a tecnologia permite identificar a constituição genética do tumor.

 

Dessa maneira, o método possibilita monitorar o surgimento da doença em pessoas com síndromes de câncer hereditário. Esse conhecimento detalhado das características do tumor de cada paciente tem contribuído para aperfeiçoar a Oncologia, de modo expressivo, e refinar, ainda mais, o tratamento do câncer, na avaliação de Dr. Eduardo. O diretor médico explica que, na área oncológica, mais de 70% de todos os medicamentos, em desenvolvimento, já são conduzidos com base na abordagem da medicina personalizada para um subgrupo específico da população e com a utilização de biomarcadores. “O paciente é o maior beneficiado por essa tecnologia, pois viabiliza tratamentos exclusivos e mais eficazes, que consideram o histórico e a identidade genética de cada paciente. Esse avanço representa um ganho sem igual em qualidade de vida", finaliza.


Clique no link abaixo e leia a Revista Imagem Real de Fevereiro/18 completa:
http://www.hportugues.com.br/imprensa/revista-imagem-real 


       
ANAHP - Associação Nacional de Hospitais Privados ONA - Organização Nacional de Acreditação Creditação  Qmentum
   
Av. Princesa Isabel, 914, Barra Avenida, 40.140-901, Salvador, Bahia.
71 3203.5147 71 3203.5555 71 3203.3400 71 3203.5601