Central Telefônica: 71 3203.5555 . Centro Médico: 71 3203.3400 . Marcação de Exames: 71 3203.5601

Notícia

HOME / Hospital / Notícias / 2018 / Setembro / HP conquista prêmio especial e três troféus Benchmarking

HP conquista prêmio especial e três troféus Benchmarking

10 September 2018

Desenvolver melhores práticas no cuidado de pacientes e familiares, compatíveis com os padrões internacionais, rendeu ao Hospital Português o reconhecimento público do Prêmio Benchmarking Saúde 2018. A Instituição foi escolhida, por aclamação, pelo comitê organizador do evento, para receber o Prêmio Especial, na categoria Assistência, devido à conquista pioneira da Certificação Qmentum International Accreditation Canada, em sua região. O HP será laureado, ainda, com um Troféu Prata, pela atuação como Hospital Filantrópico, e dois Troféus Bronze, por investimentos em Ação Social e Sustentabilidade, respectivamente, em 2017. O Benchmarking enaltece o desempenho de organizações que são referência no mercado da saúde, na Bahia, em razão da credibilidade, assistência, inovação, visibilidade e dos novos investimentos. A cerimônia de premiação acontece em 25 de outubro, na capital baiana.   

Referência em Assistência Hospitalar

Presidente do HP, Antonio Higino Teixeira Saraiva avalia que ser referência em saúde faz a Instituição alavancar o desenvolvimento do setor. “Cada melhoria efetivada no HP ajuda a elevar, expressivamente, a qualidade e segurança dos serviços assistenciais, em nossa região. As premiações reconhecem os principais avanços do Hospital e, sobretudo, valorizam o trabalho em equipe, responsável por essa evolução”, declara.                              

Para alcançar uma visão integrada e interdependente no cuidado do paciente, o HP capacitou profissionais de diferentes áreas e funções; ampliou serviços, como o Centro de Oncologia (que dobrou o volume de atendimentos especializados, concentrando assistência completa em um mesmo local); inovou metodologias de trabalho; adotou protocolos clínicos integrados e aprimorou políticas e ações voltadas à segurança e  qualidade assistencial; dentre outras benfeitorias estratégicas de aprimoramento contínuo.

Outro facilitador importante nesse processo foram as novas tecnologias. A inovação tecnológica mudou a rotina do HP, criando soluções digitais para necessidades específicas, e rendeu mais um título internacional inédito: o de Primeiro Hospital Digital da Bahia – Nível 6 do EMRAM (Modelo de Adoção de Prontuário Eletrônico do Paciente). O certificado da HIMSS Analytics insere a Instituição na elite digital da saúde. Dentre mais de 7 mil hospitais brasileiros, somente três possuem o Nível 7 e, cerca de 26 detêm o Nível 6 do EMRAM, atualmente.

De acordo com a gerente de TI, Ana Carolina Cavalcanti, os resultados incluem: melhor desempenho da gestão hospitalar, alta produtividade, maior eficiência operacional, rentabilidade superior, custos reduzidos e classificação da UTI Geral como paperless, ou seja, não utiliza papel no registro médico. “Conquistamos maior segurança assistencial e qualidade diferenciada. Esse avanço confirma o uso da tecnologia da informação como um marco de inovações no HP, hoje, um Hospital mais moderno, eficiente e seguro para o paciente”, destaca. 

Investimentos como esses fazem o HP obter alto desempenho e operar no limite da sua capacidade de atendimentos. No último ano, a Instituição realizou mais de 18,4 mil internações, 21,5 mil procedimentos cirúrgicos (incluindo partos), 67,4 mil atendimentos de urgência e emergência, 13,3 mil consultas ambulatoriais e 1.166.143 exames.

Filantropia e Ação Social

O olhar voltado para as populações carentes integra a vocação filantrópica do HP. Somente no último ano, as Unidades de Saúde administradas pela Instituição, no interior baiano, atenderam mais de 730 mil pessoas, exclusivamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS): foram 150 mil atendimentos ambulatoriais, no HP Padre Paulo Felber, em  Miguel Calmon; 184 mil, no HP Unidade Municipal e HP Unidade Regional, em Conceição do Coité; mais de 210 mil, no HP Unidade Municipal, em Euclides da Cunha; e mais de 186 mil, no HP Unidade Municipal, em Jacobina. As internações hospitalares pelo SUS foram igualmente expressivas: 3,6 mil, em Miguel Calmon; 8,2 mil, em Conceição do Coité; 4,2 mil, em Euclides da Cunha; e 7,5 mil, em Jacobina.    

Para atingir esse resultado, o Hospital recrutou e treinou todo o corpo clínico e funcional das Unidades do interior, criou novas especialidades médicas, implantou novos serviços, adquiriu modernos equipamentos, possibilitando aumentar a capacidade de atendimentos pelo SUS, de acordo com o gestor administrativo das Unidades Externas, Luis Eduardo Moura. “As comunidades do interior contam, hoje, com equipes e serviços mais amadurecidos e estruturados nas Unidades de Saúde administradas pelo HP, atualmente, em Conceição do Coité, Miguel Calmon e Euclides da Cunha. Resultados como esse fazem do Hospital uma referência no segmento filantrópico”, destaca.  

Sustentabilidade

A atuação socialmente responsável sempre fez parte da cultura do HP. Há mais de uma década, o Hospital já era pioneiro no Norte/Nordeste na aquisição de dois aparelhos autoclaves (para tratar o resíduo infectante e transformá-lo em lixo comum). Hoje, referência em Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde (PGRSS), a Instituição evidencia o compromisso socioambiental em diversas ações integradas ao Projeto HP + Sustentável. A iniciativa fomenta o consumo racional de recursos naturais, o descarte adequado de resíduos hospitalares e a capacitação de times de colaboradores para o exercício da responsabilidade socioambiental.

Mais de 260 profissionais já se qualificaram na segregação adequada de resíduos pelo Projeto, favorecendo o encaminhamento de 38,5 toneladas de resíduos hospitalares sólidos para reciclagem, no último ano, e redução no descarte de 6,3 toneladas de resíduos perfurocortantes, em relação ao ano anterior. A Instituição também tem oportunizado o descarte correto do óleo de cozinha doméstico pelos colaboradores, no Ecoponto de Coleta Voluntária de Óleo Vegetal Saturado instalado no Hospital. Com a reciclagem, o resíduo é transformado em sabão ou biodiesel.                                                                      

Outros investimentos nessa área são a inauguração da primeira Central de Inteligência e Monitoramento de Água (CIM) do Norte e Nordeste; o emprego de novas rotinas e tecnologias de controle e monitoramento da rede hidráulica e a manutenção de consultoria especializada na gestão do consumo racional da água. “Essas medidas evitaram perdas mensais de até 5,5 mil litros de água e potencializaram economia significativa do volume total de água consumido nas Unidades de maior demanda (Hospital e Maternidade Santamaria), que saltou de 20%, no primeiro semestre, para 52%, no segundo semestre do ano passado”, destaca o diretor financeiro, Daniel Silva Vitor Bento.

Clique no link abaixo e leia a Revista Imagem Real de Setembro/18 completa:
http://www.hportugues.com.br/imprensa/revista-imagem-real

       
ANAHP - Associação Nacional de Hospitais Privados ONA - Organização Nacional de Acreditação Creditação  Qmentum
   
Av. Princesa Isabel, 914, Barra Avenida, 40.140-901, Salvador, Bahia.
71 3203.5147 71 3203.5555 71 3203.3400 71 3203.5601